• Glauco Castro

Deixar seu gestor contente, mas trabalhe para sua equipe!



- “Trabalho para baixo, não para cima.


Lembro da expressão de surpresa do meu gestor quando eu lhe disse isso, há alguns anos.

Estávamos discutindo como estruturar uma solicitação de recursos para melhorias na unidade e era notório que ele estava mais preocupado com a impressão que causaria em seu gestor a seu respeito que o impacto positivo na equipe quanto à eficiência e satisfação. Então soltei essa 🤷‍♂️.


Bem, vamos lá. Anos se passaram e com o ganho de maturidade, refleti sobre essa situação e alguns aprendizados aconteceram. inclusive o de me expressar de outras formas.


Quando se é um gestor de média liderança, com muita frequência se vê dividido entre atender às necessidades do seu chefe e às solicitações de sua equipe.

E, é claro, você precisa do apoio dele para que as coisas andem, obtenha recursos e (ao menos deveria) te defender em uma reunião... assim como te orientar em relação à estratégia da empresa, para que você caminhe na direção certa.

Logo, tê-lo como aliado, é importante.


No entanto, ter uma boa equipe, formada com pessoas comprometidas que te acompanharão nas madrugadas de plantão para entregar um projeto ou concluir uma apresentação, que estarão na linha de frente fazendo o negócio acontecer, é vital!! Diria que é premissa básica para que você consiga atingir os objetivos. Equipe alinhada e satisfeita leva a empresa para os mais altos patamares de performance e diferencial junto ao mercado.

Portanto, atente-se sim, para o humor do chefe e procure deixá-lo feliz sempre que possível. Mas jamais vire as costas para sua equipe ou queria brilhar mais que ela. A satisfação das pessoas que à compõem é o que te proporcionará a verdadeira realização como líder.


Quanto mais satisfeita estiver sua equipe, mais ela te alavancará. Zele por ela.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo